Ciclotrama 115 (writing), 2018

(Homage a Baron Marcel Bich)

180cm x 260cm

4 nylon ropes red, blue, green and black with 20m each diameter 24 mm and embroidery on sailcloth.

Site-specific installation for the group show "BIC Contemporary Art Collection"

CENTQUATRE, Paris, France.

Curated by Havré Mikaeloff and Ingrid Pux

Photo: Emilie Mathé Nicolas

La Collection BIC

Curadoria de Hervé Mikaeloff et Ingrid Pux

La Collection BIC

Curated by Hervé Mikaeloff et Ingrid Pux

Nos anos que se seguiram ao lançamento em 1950, a caneta BIC® Cristal® rapidamente se tornou favorita entre artistas estabelecidos e ambiciosos. Eles apreciaram sua qualidade, precisão, facilidade de acesso e a capacidade de criar um esboço simples ou uma obra-prima.

Em 1998, uma exposição foi organizada no Val d'Aoste como uma homenagem ao Barão Bich,  nato da região. Nesta ocasião, os artistas criaram obras de arte sem precedentes em conexão com os produtos da marca. Por recomendação de Bruno Bich esse foi o primeiro passo no desejo por uma coleção BIC.

Hoje, temos o prazer de compartilhar com você no CENTQUATRE-PARIS. Com mais de 80 artistas internacionais e 150 obras de arte, o objeto cotidiano simples (caneta, barbeador, isqueiro) se torna um meio de criação. Os artistas transformam, transpõem, transfiguram. Com esse passeio por mundos plurais e insuspeitados, a coleção é apresentada como eclética e profusa.

O artista desvia o objeto de sua função inicial, o reinventa e nos encoraja a quebrar as barreiras entre desenho e pintura, escrita e imagem, design e arte.

De Bruno Bich, CEO do Grupo BIC:

“Esta coleção mostra o quanto os produtos BIC® podem seduzir artistas em todo o mundo, tanto como meio de criação quanto como fonte de inspiração. Estamos muito satisfeitos por poder compartilhar essas obras de arte com o público pela primeira vez. ”

In the years following its launch in 1950, the BIC® Cristal® pen quickly became a favorite with established and ambitious artists. They appreciated its quality, its precision, ease of access and the ability to create a simple sketch or a masterpiece.

In 1998, an exhibition was organized at the Val d’Aoste as a tribute to Baron Bich, a native of the region. On this occasion, artists created unprecedented artworks in connection with the brand’s products. It was the first step in the desire for a BIC collection, at the recommendation of Bruno Bich.

Today, we are delighted to share it with you at the CENTQUATRE-PARIS. With more than 80 international artists and 150 artworks, the simple everyday object (pen, razor, lighter) becomes a means of creation. The artists transform, transpose, transfigure. With this stroll through plural and unsuspected worlds, the collection is unveiled as eclectic and profuse.

The artist diverts the object from its initial function, reinvents it and encourages us to break down the barriers between drawing and painting, writing and images, design and art.

From Bruno Bich, CEO of the BIC Group:
“This collection shows how much the BIC® products may seduce artists worldwide, as much as a means of creation than as a source of inspiration. We are delighted to be able to share these artworks with the public for the first time.”

© 2020 / MelloLandini